terça-feira, 27 de fevereiro de 2018

v>

Março | Tendências do mês | Numerologia





Vamos, na quinta-feira próxima entrar no mês de Março, e com ele, lá mais para a entrada da última semana, chega-nos também a primavera.

Este Março, tal como já tem vindo a acontecer em meses anteriores, pode ser confuso, já que este vai tratar dois ou mais (mas dois principais) grupos de pessoas, e isso pode provocar uma certa confusão, porque em muitos casos as próprias pessoas não sabem em que grupo estão, seja isso porque motivo for.

Vou falar de ambas as possibilidades (as principais) que este mês podemos sentir e do que pode vir em consequência disso.

Encontramos neste mês um mês ótimo de expansão, mudança e crescimento, de transmutar, digamos assim, algo do menos bom para o melhor, e apesar de estarmos numa fase do ano que apesar de prometer progressos traz também uma certa lentidão ao desenrolar dos acontecimentos é certo que este mês essa energia poderá começar a “levantar” dando espaço a outras coisas entrarem, desta feita, o crescimento poderá começar, agora a ser mais efetivo, ainda que lento; isto é, pode haver avanços um pouco mais rápidos, mas a lentidão ainda se vai manter por mais um pouco de tempo, pelo que não há que temer, tudo, agora, começa a desenvolver um pouco melhor.

Esta lentidão tem feito duas coisas. Ou bloqueado por completo nalgumas áreas de vida, o que veio a refletir avanços pequenos ou nenhuns, assim como pode ter manifestado crescimento e algumas concretizações práticas, ainda que, sem grandes avanços dignos de notoriedade! Assim se manifesta esta energia. Apesar de que, a mesma agora, começa a dissipar-se apesar de ainda estar um pouco presente, mas tudo, vai melhorar um pouco.

Março traz então, mudanças e uma abertura de caminhos novos que podem levar a uma transformação na sua vida o que pode ser muito bom até porque muitos desses caminhos novos, são aqueles que anteriormente desejava percorrer, mas que até então, ainda não estava a conseguir, talvez porque haveria aprendizagens a assimilar até aqui e agora as mesmas já estejam feitas.

O ponto a retratar aqui é!

Aprendeu alguma coisa devido a estes não avanços, ou a esta quase paragem que tem vindo a sentir nos últimos tempos? Se sim, o quê? Se não, ou se não compreende porquê destas quase paragens e, nalguns casos de retrocesso, tente perceber o porquê do problema, (se necessário for, peça ajuda a alguém que o possa ajudar devidamente a fazer esse trabalho de pesquisa), se não sabe o mais certo é haver ainda aí uma lição ou algo a aprender, a interiorizar. Assim como esse bloqueio pode igualmente manifestar resistência da sua parte em proceder ou aceitar as mudanças.

Se o que tem de ser tem mais força que todos nós juntos, porque razão havemos de estar a andar em contramão? Será isso mais fácil? Ou será isso um método de fuga?

De que foge? E mais, porque razão foge?

Mudar para algo de novo e quem sabe, algo melhor não tem que ser necessariamente mau, então qual será o motivo de tanta resistência? Será o facto de ter medo do incerto? Pois bem, este mês nesse caso pode muito bem coloca-lo frente a frente com esse medo, coloca-lo de frente para com as suas sombras e estas terão mesmo que vir à luz para serem remexidas com a clareza necessária.

Algumas realizações poderão acontecer, todavia é absolutamente importante que desapegue do passado, não vale de nada, por orgulho, teimosia, ou por pouca vontade de voltar com a palavra atrás…etc… seja pelo que for. Não vale de nada andar para a frente agarrado ao passado. Não vale de nada querer avançar para o futuro, com pedras cheias de “mas” atrás de si, como se o prendessem a ficar onde está, ou pior, essas pedras levam-no a andar numa balança entre o sim e o não e esse jogo, de nada vale no que toca a avanços. Seja você mesmo o jogador usando o passado como ensinamento, nunca com o um peso de um “mas” atrás de si. Até porque isso é uma razão muito forte para o impedir de ver avanços mais concretos na sua vida.

A comunicação é um ponto forte este mês a par com a versatilidade. Estas serão energias fundamentais a trabalhar, as quais se podem mostrar promissoras ou não. Tudo depende da forma como encarar os desafios de mudanças que lhe serão colocados à frente. Caso se mostre aberto àquilo que a vida lhe está a propor e aceitar isso como algo de positivo, certamente as suas palavras manifestarão otimismo, alegria, entusiasmo… Caso, pelo contrário entrar em desacordo, ou em resistência com aquilo que a vida lhe está a pedir, as suas palavras poderão mostrar, revolta, desânimo, descrença e, podem até ir “ter” com o passado.

Pelo que mantenha-se atento à forma como usa a energia do mês, pois a mesma tanto o pode levar à alegria e felicidade, como o pode levar por um caminho de drama total em que nada de positivo lhe acontece!

Encontrar e verdade nos pequenos detalhes é sumamente importante e por isso seria de todo o interesse para si perceber em que pé é que está a sua verdade. O que faz sentido para si fazer? Com quem faz sentido para si estar? Quem o faz sentir bem? Quem o faz sentir mal? O que o cansa fazer? O que ama verdadeiramente fazer?

Se não está feliz. Se anda contrariado. Se nada faz sentido para si. Se se sente cansado relativamente a uma situação. Isso pode ser um sinal claro de que a mudança tem que acontecer. E não tem que ser necessariamente uma mudança radical, pode ser uma coisa menos radical ainda que importante. Até porque é igualmente aconselhado para este mês algumas coisas; calma, concentração, paciência, ordem e foco. Estes serão os principais ingredientes para mudanças boas, positivas, construtivas e conscientes. Sem isso poderá sair uma mudança feita “às 3 pancadas" coisa que pode trazer mais problemas que soluções.

Vá devagar. É para fazer é certo sem resistências e sem mas. Todavia a pressa sempre foi inimiga da perfeição. Avalie todos os detalhes. Faça perguntas a si mesmo. Observe o ambiente em redor. Medite sobre o assunto. Tome decisões. Tome atitudes firmes. Fale sobre o que pretende. Expresse-se abertamente e sem medos o que vai dentro desse mar de pensamentos /emoções que é o seu mundo. Fale com a ou as pessoas que de certa forma se veem envolvidas na questão, com calma. Sem pressas. Evite a impulsividade e a falta de paciência.

É certo também que se sente muita energia no ar de “estar a chegar ao limite” a resistência sempre tem um dia em que a corda parte verdade? Pois bem, em muitos casos a corda está prestes a partir, coisa que não é de todo aconselhável. Este mês tem em si muita energia a qual se pode manifestar em explosões emocionais que têm origem nas palavras e em falta de paciência que se pode manifestar em atitudes menos positivas, as mesmas atitudes podem muito bem ter nas palavras a sua forma de expressão.

Muitas coisas podem ser ditas em momentos em que a falta de paciência e a impulsividade se juntam, pelo que é necessária calma e foco. Centre-se naquilo que quer, e não naquilo que não quer. Será necessário entrar em discussões onde muitas das vezes se vai buscar coisas do passado? Não necessariamente! Falar sim, mas de forma positiva e equilibrada. Dê o braço a torcer quando assim o tem de ser.

O sucesso, está por aí á espreita e, caso já tenha passado por todo este processo acima falado, prepare-se para viver um mês cheio de aventuras, pois não só o romantismo como a aventura estão no ar, assim como os contactos, por isso conhecer pessoas poderá estar na ordem do dia, muitas dessas pessoas poderão ser fundamentais para o seu crescimento futuro.  E claro está, algumas mudanças ao nível do romance podem ver a revelar-se interessantes, no entanto, conselho. Foco!!

Muitos conhecimentos, contatos, aventuras quiçá, algumas ofertas / propostas podem chegar a si. Avalie todas de forma calma e organizada selecionando aquela que para si for mais conveniente. Evite desconcentrar-se numa tentativa de agarrar tudo ao mesmo tempo. Poderá desiludir-se a si mesmo, pois será impossível fazer várias tarefas ao mesmo tempo, o que o pode deixar frustrado.

Aliás, alguma frustração que se sente, poderá ser pelo facto de não estar a fazer o que quer, mas isso não significa que tenha de mergulhar de cabeça sem ver o fundo, só porque é aquilo que quer. Avalie. E tenha calma. As coisas não fogem, só fogem se adiar decisões para nunca mais ou se desistir, não fogem quando esta a avaliar.


Sandra L. santos 

Sem comentários:

Enviar um comentário